Após horas na delegacia, Neymar surpreende com nova revelação que pode complicar bastante a vida de Najila

"A verdade aparece cedo ou tarde", disse o jogador

Segundo o JN, da emissora Globo, o jogador confirmou que utilizou camisinha quando foi ao hotel onde a modelo Najila Trindade estava, em Paris (França). A declaração é divergente a nota prestada por ela, que afirma que a ausência de preservativo foi o ponto chave da discussão que havia gerado o estupro.

Ele afirmou que jogou a camisinha na privada e usou proteção para não se expor, pois era um atleta. Conforme Najila, o suposto crime iniciou no instante em que ela fala que não tem camisinha e que ele continua a relação sexual sem preservativo.

PUBLICIDADE

De acordo com o documento, Najila afirmou ter o conhecido nas mídias sociais. E que um assessor entrou em contato proporcionando passagens e hospedagem para viajar . Ela afirmou ter viajado no dia 14 e chego no dia 15.

A mulher relatou que o recebeu por volta de oito horas (local) do dia 15. Conforme a denúncia, ele chegou “visualmente embriagado” e começaram a conversar, trocar carícias. Porém, depois disso ficou agressivo e, por meio de violência, praticou a relação sexual.

PUBLICIDADE

Neymar confirmou que tinha ingerido álcool no dia do primeiro encontro, porém de acordo com ele, foi apenas uma dose. Na segunda vez que se encontraram, ele falou que queria levá-la em uma casa noturna, famosa balada, mas ela começou a bater nele e com isso foi embora. Durante o ocorrido, desconfiou do fato da modelo falar que o amava e queria se casar com ele.O atacante chegou a comentar para as delegadas da 6.ª Delegacia de Defesa da Mulher como ela poderia amá-lo se ela nem o conhecia direito.

Após o depoimento, que durou mais ou menos três horas e meia, Neymar se sensibilizou sobre a denúncia de abuso sexual e relatou seu drama pessoal. O atacante da seleção disse que esse é o pior momento de sua vida e chegou a afirmar que lesão nenhuma se compara ao que vem vivendo desde do dia trinta e um de maio, quando a modelo fez o BO.

PUBLICIDADE

O craque foi “excluído” da Copa América, que se inicia hoje (14/06), por rompimento do ligamento tornozelo direito. Por causa disso, ele chegou à delegacia de muletas.

Ele expôs ainda que o escândalo causou danos a vida de seu filho, que não tem ido à escola, pois tem sido sofrido bullying, contando que os colegas dizem que seu pai é um estuprador.

Ao sair, o jogador informou aos jornalistas que seria rápido e gratificou as pessoas que o apoiaram. Logo em seguida, ele foi embora em uma van, acompanhada pela polícia. Milhares de fãs que ficaram a tarde do lado de fora da delegacia gritaram quando a van deixou o local.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Larissa Silva

Amo praia, natureza e escrever. Publicitária e redatora em portais online. Contato: [email protected]