Atleta de um time da Espanha é diagnosticada por ginecologista com “doença homossexual”: Indignada

Alba Aragón, atleta de nacionalidade espanhola, levou um grande susto após uma visita ao consultório médico, na última segunda-feira (4/10). A goleira do time CAP Ciudad, de Murcia, da Espanha, recebeu do ginecologista um diagnóstico de que ela teria "doença homossexual".

A atleta espanhola Alba Aragon levou um enorme susto após ir ao médico na última segunda-feira (4), a goleira da Espanha recebeu um diagnóstico do ginecologista que ela teria uma doença homossexual.

A jovem 19 anos foi ao hospital em Córdoba na Espanha por perceber uma irregularidade no ciclo menstrual.

PUBLICIDADE

Ela foi consultar com o ginecologista e comentou sobre a sua orientação sexual, ela disse que achou importante comunicar o médico sobre a sua orientação sexual, achou que isso era importante.

PUBLICIDADE

A atleta contou que não tem vergonha de dizer que gosta de mulheres desde os 15 anos, apesar disso a informação foi colocado na ficha e o problema é que a sua orientação foi classificada como sendo uma doença.

A atleta disse que irá processar o hospital, a direção do hospital lamentou o ocorrido por meio de uma nota disse que os dados do relatório Clínico do ginecologista não foram corretos deveria ser passado de uma forma diferente.

PUBLICIDADE

Os familiares da atleta também se pronunciaram dizendo que são contrários a toda a homofobia, o episódio acabou repercutindo não somente no país mas em todo mundo e o futebol também lamentou o que aconteceu.

Em apoio a jogadora muito se posicionaram nas redes sociais relataram que é um absurdo que isso esteja acontecendo em pleno século 21 e todos estavam apoiando a jogadora, afirmaram para denunciar tanto Hospital como o médico.

 

Via: em.com.br

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.