Atriz da globo perde a vida e fãs se despedem

Luto! Morre atriz Lady Francisco aos 84 anos no Rio de Janeiro e fãs se despedem

Lady Francisco faleceu na tarde deste sábado vinte e cinco. Ela  estava hospitalizada desde o final do mês de abril, após fraturar o fêmur. Ela foi andar com seus 2 cachorros em um parque perto à sua casa onde acabou sofrendo o acidente.

PUBLICIDADE

Os fãs, amigos e familiares estavam todos na espera para que ela se recuperasse, mas infelizmente na tarde de hoje, sua morte foi confirmado. Vários famosos e colegas de trabalho já estão usando as redes sociais para se despedirem.

A atriz tinha oitenta e quatro anos e o filho dela, Oscar Francisco, afirmou a morte de sua mãe, com a seguinte mensagem: “Infelizmente, mamãe faleceu hoje, às treze horas. O céu ganhou mais uma grande estrela”.

PUBLICIDADE

lady foi internada na UTI do Hospital Unimed Barra, que localiza  na zona oeste do Rio de Janeiro. Apesar da torcida de todos para que ela melhorasse, nestes últimos dias o quadro dela foi só piorando cada vez mais. Nesta última sexta-feira vinte e quatro, ela teve uma piora ainda maior e infelizmente veio a falecer hoje.

Logo após realizar  uma cirurgia lady  acabou tendo uma série de complicações e  precisou ficar entubada, sedada e depois precisou ser submetida a uma traqueostomia.A última vez que ela apareceu na TV foi em 2018, na novela ‘Malhação: Vidas Brasileiras’ e os fãs adoravam vê-la novamente atuando. Foi quando deu vida à Lorraine, uma personagem que fez muito sucesso na trama.

PUBLICIDADE

Além do filho Oscar, a atriz  também deixou uma filha, Andrea Frank. A família ainda não confirmou o local e a data do enterro, onde os amigos poderão se despedir

Leyde Chuquer Volla Borelli Francisco de Bourbon  foi uma atriz, produtora e diretora brasileira que atuou em novelas globais renomadas A Escrava Isaura (1976), Marrom Glacê (1979), Baila Comigo (1981) e Louco Amor (1983).

Atuou também em diversos filmes como Um Varão Entre as Mulheres (1974), O Padre que Queria Pecar (1975), O Crime do Zé Bigorna (1977) e Lúcio Flávio, o Passageiro da Agonia (1977). Também fes parte na direção de O Preço do Prazer (1979). Na década de 1980, atuou em Anjos do Sexo (1981) – que também co-dirigiu  Os Rapazes das Calçadas (1981), Profissão Mulher (1982) e Punk – Os Filhos da Noite (1986).

Seu último trabalho no cinema foi em 2019, no filme Goitaca.

PUBLICIDADE

Escrito por Larissa Silva

Amo praia, natureza e escrever. Publicitária e redatora em portais online. Contato: [email protected]