Câncer que levou Roberto Leal a morte é agressivo e muitas vezes age de forma silenciosa

Roberto Leal morreu neste último domingo (15)

No último domingo (15) o Brasil perdeu uma de suas grandes vozes, Roberto Leal. Apesar do cantor ter nascido em Portugal, com os anos, ele acabou se tornando uma figura cada vez mais brasileira.

Com vários sucessos, como a conhecida “Arrebita” e “Uma Casa Portuguesa” ele frequentemente era visto em vários programas de televisão pelo país todo, “batendo o pé” como era muito comum em suas apresentações.

PUBLICIDADE

De acordo com o que foi divulgado a respeito da morte de Roberto, ele estava lutando contra um cancro na pele desde 2018. Este é o nome usado para determinar a respeito de um tipo de câncer na pele.

Este tipo de doença tem uma taxa de mortalidade baixa, mas pode acabar levando a morte caso não seja tratada. Quando não se realiza o tratamento a doença pode se mostrar de uma forma bastante agressiva e levar a morte do paciente.

PUBLICIDADE

O grande desafio desta doença é pelo fato de que muitas vezes ela aparece mas a pessoa não identifica para poder procurar um tratamento adequado antes que acabe tendo se agravado mais.

O site do Ministério da Saúde, do Governo Federal tem disponível algumas informações a respeito da doença de meios para se procurar o tratamento necessário para a doença.

PUBLICIDADE

Primeiro é necessário que a pessoa tenha consciência a respeito de alguns fatores que podem levar à doença. Uma deles por exemplo é o sol. No Brasil por exemplo, o câncer de pele não melanoma é responsável por um terços dos casos de cânceres malignos.

Este tipo de doença pode ser causada devido a grande quantidade de raios ultravioletas introduzidos na pele. Pessoas que possuem a pele mais clara devem ficar mais atentar para isso.

O câncer de pele afeta mais as áreas do corpo que ficam mais expostas, que podem receber diariamente raios ultravioletas que podem acabar causando a doença, como rosto, pescoço e orelhas.

Se não for tratado de forma adequada por acabar se agravando e destruindo estas estruturas. Para isso, é preciso que a pessoa fique atenta à aparição de manchas e pintas que podem surgir em seu corpo. Além disso, é preciso ficar atento que caso estas manchas ou pintas acabem aumentando, é preciso procurar um médico para uma melhor avaliação a respeito.

PUBLICIDADE

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.