Fotos do quarto em que Michael Jackson foi encontrado morto há 10 anos atrás são divulgadas

Paramédicos que atenderam ao chamado de emergência e encontraram o cantor morto em seu quarto.

Desde sua morte, o nome de Michael Jackson, o eterno Rei do Pop, não teve um dia de descanso. Seja por feitos de sua família, escândalos envolvendo seus filhos, ou algum acontecimento no mundo da música envolvendo sua música, uma coisa ficou clara: Michael Jackson jamais morreria.

Em 25 de junho de 2009, o mundo parava com a notícia de que o ícone da música pop teria morrido. A notícia pegou a todos de surpresa: jornalistas, fãs, família e até mesmo quem nunca havia se importado com Michael ou sua história. Dali pra cá, muita coisa aconteceu em relação ao nome do artista.

Michael morreu aos 50 anos, enquanto se preparava para sua turnê de retorno a música e também, muito provavelmente, de adeus. Seu corpo, já debilitado, não aguentaria uma nova turnê, então fãs do mundo todo se empolgavam com a expectativa de ve-lo nos palcos uma última vez.

No entanto, devido a uma overdose de analgésicos e sedativos, o cantor morreu antes da hora. Agora, 10 anos depois, o nome do artista volta as manchetes devido a uma infinidade de fatos. Este ano, o documentário “Leaving Neverland” voltou a associar o cantor as denuncias de pedofilia.

O documentário contou com a participação de alguns dos acusadores, que hoje são adultos. O filme ainda faz uma retrospectiva com a história do cantor, ouve depoimentos de pessoas que eram envolvidas com o artista na época e, de forma parcial, da a entender que Michael era sim culpado nas acusações.O documentário causou um abalo na imagem do rei do pop, que teve uma queda vertiginosa em contratos e receita. Ainda assim, nos últimos 10 anos, o nome de Michael Jackson foi capaz de movimentar quase R$ 10 bilhões! Nos últimos 10 anos, a receita do artista foi avaliada em 2,5 bilhões de dólares, mais do que o que o cantor arrecadou em vida.

FOTOS DO QUARTO

Paramédicos que atenderam ao chamado de emergência e encontraram o cantor morto em seu quarto contaram um pouco do que viram. Imagens do quarto do cantor também foram divulgadas. As imagens mostram remédios, uma estranha boneca e anotações feitas pelo rei do pop em seus últimos momentos.

Michael Jackson se tornou viciado em analgésicos ainda jovem, quando sofreu um acidente aos 26 anos durante a gravação de um comercial para a marca de refrigerantes Pepsi. O cantor teve o couro cabeludo parcialmente queimado e, depois de se submeter a cirurgia, se tornou dependente e viciado em substâncias analgésicas.

No quarto em que estava quando foi encontrado morto, os paramédicos e detetive Scott Smith, encontraram Michael fragilizado, careca. Além disso, um tubo de oxigênio e remédios foram encontrados no quarto. Smith conta que a autópsia revelou que Michael era um homem relativamente saudável, para sua idade, e afirmou que “ele era um homem que não deveria ter morrido”.

 

No quarto, um bilhete chamou a atenção. Pendurado em uma das portas, o bilhete dizia “disciplina com amor, violência nunca”. Hoje, 10 anos depois, fãs se manifestam ao redor do mundo e defendem o cantor das acusações de pedofilia.

 

Escrito por Larissa Silva

Amo praia, natureza e escrever. Publicitária e redatora em portais online. Contato: [email protected]