Gloria Maria passa por cirurgia cerebral para retirar um tumor

Apresentadora passou mal na última quinta-feira (7) e foi levada para o hospital

A apresentadora e jornalista Gloria Maria foi submetida a uma cirurgia no cérebro nesta última segunda-feira (11) no Rio de Janeiro. A cirurgia tinha como objetivo retirar uma lesão que foi detectada no cérebro da apresentadora.

O boletim médico que foi divulgado pelos responsáveis do Hospital Copa Star, para onde Glória foi levada, a jornalista passou pela cirurgia em questão e a lesão que foi detectada anteriormente foi totalmente removida pelos médicos que a acompanhavam e agora ela passa bem. A jornalista poderá até mesmo ter sua alta médica ainda esta semana.

PUBLICIDADE

O comunicado feito pelo hospital, também informou que a jornalista começou a passar mal na última quinta-feira (7). Após se sentir mal, a apresentadora foi levada para o hospital onde foi necessário que fosse feito alguns exames, como uma ressonância magnética, que foi justamente o que detectou o problema com a apresentadora do Globo Repórter.

A jornalista então passou pela cirurgia e contou com uma equipe médica formada por vários especialistas, entre os especialistas estavam um Neurocirurgião, Clínico Geral, Clinico e Penumologista e também o Diretor Médico do Hospítal Copa Star, Bruno Celoria, que participou da cirurgia de retirada do tumor do cérebro da apresentadora.

PUBLICIDADE

O site “UOL” entrou em contato com especialistas na área para falar a respeito do diagnóstico que foi feito na apresentadora. O neurocirurgião Leonardo Rafael Takahashi informou que segundo o boletim médico que foi divulgado pelo hospital se tratava de um tumor.

Ele informou que qualquer massa diferente que apareça pode ser considerada como sendo um tumor, porém nem todo tumor é câncer. Ele ainda alega que pode se tratar de uma infecção ou até mesmo um corpo estranho.

PUBLICIDADE

Leonardo ainda informou que a respeito de “lesão expansiva” os médicos querem dizer que é uma lesão que ainda está crescendo. O neurocirurgião ainda declarou que pode ser uma neoplasia mas que o diagnóstico completo só poderá ter sua conclusão após análise feita pelo patologista.

Ainda de acordo com Takahashi, vários fatores poderiam ter causado a lesão que foi encontrada na apresentadora. Segundo foi dito pelo médico, fumo, doenças hereditárias e exposição a radiação podem ser um dos fatores que levariam a isso.

O neurocirurgião Fernando Gomes, professor livre docente de neurocirurgia que faz parte do Hospital das Clínicas também deu a sua opinião a respeito do diagnóstico feito em Glória Maria. Ele deixou claro que a lesão expansiva pode até mesmo ser um tumor primário, que pode ser proveniente de células da própria região onde foi encontrado.

Este tipo de lesão também pode ser considerado um tumor secundário em alguns casos, ao se tratar de uma metástase que ocorreu a partir e um outro tumor em outra parte do corpo do paciente.

Além disso, ele também concordou com o que Takahashi disse a respeito das motivações que podem levar a este tipo de lesão expansiva, e ressaltou que a maioria dos tumores primários acabam tendo uma origem genética e os secundários podem ser adquiridos devido a estes fatores apresentados.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.