Najila, modelo que acusa Neymar já tentou assassinar ex-marido com requintes de crueldade

A mulher teria esfaqueado seu companheiro na época após uma discussão, confira

A modelo Najila Trindade Mendes de Souza, de apenas 26 anos de idade, chamou a atenção nesta última quarta-feira, dia 05 de junho após aparecer pela primeira vez na televisão. Ele cedeu uma entrevista para o SBT e deu detalhes do suposto estupro cometido pelo jogador brasileiro Neymar.

Porém, algumas pesquisas sobre o passado da jovem mostraram que ela já atentou contra a vide de seu ex-marido. Najila teria dado uma facada em Estivens Alves, no ano de 2014 após uma briga entre os dois.

PUBLICIDADE

O Balanço Geral, programa jornalístico que pertence a emissora Record TV, mostrou todas as informações além de ter apresentado o boletim de ocorrência. Na ocasião, Alves deu entrada em um hospital de São Paulo, no Pronto Socorro do Hospital do Campo Limpo.

A facada foi grave e ele precisou ser atendido o mais rápido possível. O depoimento diz que os policiais foram acionados e se deslocaram para a casa da modelo.

PUBLICIDADE

Porém, quando foi pega pelas autoridades, Najila deu outra versão da história. Disse que esfaqueou seu companheiro após uma briga, mas teria sido ele quem atacou e ela só agiu para se defender.
Nesta quinta-feira, dia 06 de junho, a loira voltou a dizer que foi agredida e estuprada por Neymar e que estaria sofrendo com ameaçar de pessoas com muito poder no mundo e até mesmo de advogados.

Durante a noite desta última quarta-feira, dia 05, um vídeo viral mostrando uma briga de Trindade com o jogador explodiu nas redes sociais. Em poucas horas a gravação já teria sido compartilhada em centenas de grupos do WhatsApp e vista por milhares de pessoas nas redes sociais.

PUBLICIDADE

Momentos antes do vídeo vazar o SBT colocou no ar a entrevista exclusiva com a modelo que durou mais de 10 minutos. Ela revelou detalhes sobre o suposto abuso e deixou claro que queria justiça.

O vídeo por sua vez, mostrava de fato uma agressão, porém, não era Neymar quem batia. A suposta vítima estava atacando o jogador em um vídeo curto que dura pouco mais de 1 minuto.

O craque esteve em campo na mesma noite para defender o Brasil contra o Qatar. Mas não fez muito, logo no começo do jogo se machucou e precisou ser substituído.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Larissa Silva

Amo praia, natureza e escrever. Publicitária e redatora em portais online. Contato: [email protected]