Pastores estão sendo perseguidos e executados por traficantes

A ação da igreja está atrapalhando as atividades dos cartéis de drogas na região e os traficantes começaram a assassinar um por um os pastores do país.

No México, um pastor natural do país foi capaz de sair com vida após assassinos tentarem o matar na cidade de Juarez, fronteira com os Estados Unidos. O surreal é que apenas no mês de junho, o município registrou 177 assassinatos e a maioria ocorreu durante os intensos e sanguinários conflitos entre traficantes que buscam a todo custo dominar a área.

PUBLICIDADE

O líder evangélico não quis divulgar suas informações pessoais como nome e idade por causa do medo, mas disse que se tornou um dos alvos principais dos bandidos por conta de seu trabalho religioso. Declarou que em seu templo de Deus mostra a palavra para viciados em drogas e os retira do vício, algo prejudicial no ponto de vista dos cartéis da região.

O religioso contou que no dia 12 de junho poderia ser mais um homem morto e aumentar a estatística de 177 para 178 mortos. Segundo ele, um homem armado até os dentes entrou em sua casa para colocar fim à sua vida, mandou que o pastor ajoelhasse e apenas avisou que o evangélico não tinha noção de com quem estaria mexendo.

PUBLICIDADE

O ‘assassino’ puxou o gatilho, porém, não conseguiu disparar e diante deste problema partiu para a agressão e bateu no religioso até que ele ficasse inconsciente, logo em seguia fugiu do local. O pastor explicou que o trabalho que realiza em sua igreja afeta as atividades do crime organizado e dos narcotraficantes, a solução encontrada por eles foi matá-lo.

Mas ele destacou que não se sentiu amedrontado e não pretende parar de salvar as pessoas e compartilhar a palavra de Deus com todos que buscarem verdadeiramente uma mudança de vida. No dia 8 de junho o renomado pastor mexicano Eduardo Garcia foi executado com seis tiros de uma forma impiedosa.

PUBLICIDADE

O caso repercutiu no país e fez com que todos os religiosos que combatem o uso das drogas entrassem em um estado de alerta total, dobrando a cautela e alegando aos policiais que estariam sendo perseguidos e mortos por traficantes. Até o momento nada foi dito sobre uma possível solução e os pastores vivem correndo o risco de serem executados a qualquer momento.

Personagem de Galinha Pintadinha tem semelhança com zé pilintra da Ubanda

Uma grande repercussão tomou conta das redes sociais. Trata-se de uma possível mensagem subliminar na música da galinha pintadinha. Veja abaixo como é parte do trecho da música em outros idiomas.

Primeiro em Gaules (celta)

Voa,

Voa mosca,

Voa mosca gripe

TUMULO

Túmulo do túmulo à vista a sepultura

Agora em Islandês

Não, não, não salvar…

mini, mini destabilização…

não, não,não chiaua…..

Diante disso é possível pesquisar algumas palavras. Se você pesquisar a palavra ‘chiaua’, irá descobrir que em espanhol seria ‘Chihuahua’., uma palavra obscura que provavelmente seja de língua náutele, um dos idiomas que eram usados pelos astecas.

Agora em Latim você encontrará

Mini ás vezes, ás vezas, ás vezes, ás vezes, ás vezes 11

Na era de aquário o número 11 era usado em sua representação.

Se não bastasse a letra da música, o personagem André foi considerado de grande semelhança com zé pilintra da Ubanda.

PUBLICIDADE

Escrito por Larissa Silva

Amo praia, natureza e escrever. Publicitária e redatora em portais online. Contato: [email protected]