Socialite está sendo acusada de transmitir coronavírus para 44 pessoas

De acordo com informações mesmo contaminada pelo vírus, a uruguaia Carmela Honrou, participou de um casamento com mais de 500 pessoas.

Carmela Honrou, de 57 anos de idade, está sendo apontada como a responsável pela transmissão do novo coronavírus, Covide 19, para pelo menos 44 pessoas no Uruguai.

A socialite e decoradora está sendo acusada de levar a transmissão para o Uruguai que até o momento já conta com 55 casos de pessoas contaminadas. O dado apontado é relativamente considerado alto, em relação aos 3,5 milhões de habitantes que vivem nos país.

PUBLICIDADE

Só para ter uma ideia, na Argentina que conta com uma população de 43 milhões de habitantes, até agora foram registrados 97 casos confirmados pela doença. Dessa forma, por isso o país está sendo apontando com um nível alto de pessoas infectados.

Buscando encontrar o motivo do contágio, foi descoberto que Carmela, contraiu a doença após ter viajado duas vezes para a Europa. Quando ela voltou do continente, onde o vírus já havia atingido milhares de pessoas, mesmo contaminada pela doença, ela participou de um casamento, que contava com a presença 500 convidados, na mesma data em que voltou para o Uruguai.

PUBLICIDADE

Segundo informações dadas pelo jornal uruguaio Ei Observador, fontes publicadas pelo Ministério de Saúde, afirmaram que 55 casos já foram confirmados no país, e que 44 casos foram contaminados na cerimônia durante o casamento em que a socialite Carmela esteve.

Nem todos estiveram presentes na festa, desse número, no entanto, foram infectados a partir do vetor Carmela, como estão chamando o momento. Durante uma entrevista ao site Infobae, a Uruguaia, contou que não havia possibilidade de não estar presente no evento, já que o noivo era como se fosse um filho para ela.

PUBLICIDADE

Logo após a cerimônia, a decoradora procurou uma unidade de saúde, pois havia passado mal. Após ter feito os exames recebeu o diagnóstico positivo para o Covid-19. A empresária acabou infectando também um dos seus filhos.

Por causa do ocorrido, o governo de Uruguai tomou algumas medidas, afim de evitar o contágio da doença no país. Além disso, a postura da empresária está sendo investigada pelo promotor Alejandro Machado, que planeja fazer uma acusação formal na justiça, contra ela, por ter violado as regras estabelecidas pela vigilância sanitária.

PUBLICIDADE

Escrito por Redatora Cs

Escrevo vários tipos de conteúdo, mas gosto muito de escrever notícias sobre famosos, histórias de superação e testemunhos.