Zé Neto, dupla de Cristiano, faz apelo sobre o uso de cigarro eletrônico que provocou doença em seu pulmão

O cantor em uma publicação comentou sobre o uso do cigarro eletrônico, além de contar como anda seu estado de saúde

O cantor sertanejo Zé Neto, que faz dupla com Cristiano, postou em suas redes sociais na madrugada desta última quarta-feira (22), uma publicação na qual diz que foi provocada pelo uso de cigarro eletrônico.

Ele fez um alerta sobre como o uso desse cigarro pode ser prejudicial à saúde e ainda tranquilizou todos os seus fãs ao revelar que se sente bem.

PUBLICIDADE

“Está tudo bem gente, e de fato, eu passei por um sério problema no pulmão, por causa do uso de cigarro eletrônico. Quem estiver usando essa merda, pare enquanto é tempo, por que faz muito mal. Muito obrigado por me colocarem em suas preces e em seus bons pensamentos”, começou ele.

“Está tudo bem. Tem gente demais publicando desgraça. Mas as nossas qualidades e aquilo que fazemos de bom, ninguém posta. Mas deixa acontecer algo errado ou ruim que vem uma enxurrada de postagens, divulgações e viralizações. Mas está tranquilo, e eu me sinto bem, finalizando o tratamento estarei zerado. Já estou 99. Agradeço o carinho de todos”, escreveu o cantor.

PUBLICIDADE

A assessoria do cantor, informou em entrevista ao g1, que Zé Neto tem , o que tem provocado sensação de falta de ar, enquanto canta. De acordo com eles, esta doença pode ser sequelada Covid-19 ou então do uso do cigarro eletrônico.

Mesmo com o diagnóstico já determinado, foi passada por parte da assessoria que, não se trata de uma doença grave e show algum foi cancelado ou mesmo adiado.

PUBLICIDADE

Os Dispositivos Eletrônicos para Fumar (DEFs), nome dado aos cigarros eletrônicos, são de venda proibida no Brasil desde o ano de 2009.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.